Bem vindo ao Arinos Notícias, Domingo, 22 de Abril de 2018
Noticia
     
27 de Dezembro, 2017 - 17:04
Polícia Civil de Nova Mutum aguarda formulário de óbito para iniciar investigação de possível infanticídio

O formulário com os detalhes de como ocorreu o óbito de um recém-nascido está sendo aguardado pela Polícia Civil de Nova Mutum para iniciar as investigações. Uma mulher, de 21 anos, foi acusada de ter provocado a morte do filho durante o parto. As informações foram confirmadas por um investigador, ao Só Notícias.

O caso foi denunciado pela supervisora de óbito do Hospital Júlio Muller, em Cuiabá, após ela examinar o feto e constatar supostos indícios de infanticídio (qualificação do crime para morte de recém-nascido).

A mulher foi internada em uma unidade médica em Nova Mutum, na última sexta-feira, após o Corpo de Bombeiros chegar no local e encontrar o bebê enrolado em uma toalha nos braços da sogra dela. De acordo com um soldado, a mãe da criança teria contado que não sabia que estava gestante e quando foi tomar banho de madrugada o menino acabou nascendo já sem vida. Não foi informado se ela já teve alta.

A ocorrência foi registrada na capital e precisa ser encaminhada à polícia do município onde mora a mãe. Porém, isso ainda não ocorreu e não foi informado se existe um prazo específico.

Fonte: Só Notícias
 0 Comentários  |  Comente esta matéria!
* O Arinos Noticias não se responsabiliza por comentários postados abaixo!
mais notícias
17/04/2018
 menos  1   2   3   4   5   6   7   mais 
enquete
O que você prefere ler?
Polícia
Política
Agronegócios
Variedades
Educação

Se nenhuma das opções sugeridas for de sua escolha, mande sua sugestão através do menu contato
Copyright © 2018 - Arinos Notícias