Bem vindo ao Arinos Notícias, Sexta-Feira, 22 de Junho de 2018
Noticia
     
28 de Fevereiro, 2018 - 09:13
Secretária de saúde de Juína fala sobre comida "azeda" servida a pacientes na casa de apoio

O assunto que ganhou repercussão negativa nas últimas horas é sobre a comida “azeda”, que supostamente foram servidas a pacientes de Juína que buscam refúgio na casa de apoio em Cuiabá. A informação também foi confirmada por uma paciente através de um áudio ao prefeito Altir Peruzzo.

Em entrevista ao Juína News, a Secretária de Saúde, Leda Vilaça, esteve no local por dois dias para averiguar a denúncia. Ela afirmou que a casa de apoio tem obrigação de fornecer alimentos de boa qualidade e acomodações em perfeito estado aos pacientes que necessitam do local.

“Estive lá no domingo para averiguar, por que isso é muito grave. A casa de apoio é um serviço que eles têm obrigação de fornecer a alimentação de boa qualidade, assim como as acomodações também. Nos dois dias da minha visita eu não constatei isso, mas conversei com pessoas que disseram realmente que tinha acontecido, inclusive teve uma paciente que mandou um áudio do prefeito falando do que estava acontecendo e o prefeito imediatamente exigiu que eu tomasse providência.” – explicou.

A secretária orientou a população sobre a formalização das denúncias em casos como esse, para que se chegue a uma solução o mais rápido possível.

“O que eu digo a população é o seguinte, toda vez que acontecer essas coisas, tem que vir aqui pra gente poder formalizar a denúncia, a pessoa vai assinar, não precisa ter medo, aquilo lá é nosso, é da população. Se não funciona direito, a gente tem que reclamar e todas as pessoas que forem fazer reclamação são muito bem vindas”.

A casa de apoio é um serviço que foi licitado legalmente, onde o servidor tem o dever de receber, de acomodar e de fornecer alimentos de qualidade a todos os pacientes.

“Então eu só posso contestar a casa de apoio com documentos. Tem pessoas que disse que foi bem atendida, que a história de comida podre é mentira, procurem a secretaria de saúde que solucionaremos o caso.” - concluiu.

Fonte: Juína News
 0 Comentários  |  Comente esta matéria!
* O Arinos Noticias não se responsabiliza por comentários postados abaixo!
mais notícias
21/06/2018
 menos  1   2   3   4   5   6   7   mais 
enquete
O que você prefere ler?
Polícia
Política
Agronegócios
Variedades
Educação

Se nenhuma das opções sugeridas for de sua escolha, mande sua sugestão através do menu contato
Copyright © 2018 - Arinos Notícias