Bem vindo ao Arinos Notícias, Quinta-Feira, 25 de Abril de 2019
Noticia
     
10 de Abril, 2019 - 15:06
Ex-governador de MT é suspeito ser mandante de duplo homicídio

Policiais militares e civis foram os executores do crime


Júlio Campos ex-governador de Mato Grosso foi intimado a comparecer em uma audiência que investiga um duplo homicídio, no qual ele é suspeito de ser o mandante.

A audiência acontecerá no dia 2 de maio de 2019 em Cuiabá e tratará dos crimes que ocorreram em 2004 e vitimaram o geólogo Nicolau Ladislau Ervin Haralyi, morto na cidade de São Paulo (SP), e o empresário Antônio Ribeiro Filho, assassinado no Guarujá, litoral do Estado de São Paulo.

A Procuradoria-Geral da República (PGR) relatou ao Supremo Tribunal Federal (STF), que o crime teria ocorrido por uma disputa de terras que totalizavam 87 mil hectares. Segundo as investigações, o empresário vendeu essa propriedade a Julio Campos que teria em seus domínios jazidas de pedras preciosas.

Campos, porém, teria registrado o negócio no nome de dois de seus funcionários justificando que estava com o nome “sujo”, e com “problemas” na Justiça. As investigações apontam que as mortes ocorreram para ocultar o esquema ilegal de repassar a propriedade para laranjas. O geólogo também trabalhava na propriedade. Ainda de acordo com as investigações, policiais militares e civis, que atuam em Campo Grande (MS), foram os executores do crime.




 

Fonte: AGORA MT
 0 Comentários  |  Comente esta matéria!
* O Arinos Noticias não se responsabiliza por comentários postados abaixo!
mais notícias
25/04/2019
24/04/2019
23/04/2019
 menos  1   2   3   4   5   6   7   mais 
enquete
O que você prefere ler?
Polícia
Política
Agronegócios
Variedades
Educação

Se nenhuma das opções sugeridas for de sua escolha, mande sua sugestão através do menu contato
Copyright © 2019 - Arinos Notícias