Bem vindo ao Arinos Notícias, Segunda-Feira, 21 de Outubro de 2019
Noticias
     
31 de Agosto, 2019 - 08:13
Período de proibição de queimadas é prorrogado pelo governo de MT

Executivo também suspendeu autorizações para desmatamento até 30 de novembro.



O governador Mauro Mendes (DEM) assinou nesta sexta-feira (30) um decreto que prorroga o período de proibição de queimadas até o dia 30 de novembro. De acordo com o documento, também estão suspensas todas as autorizações para desmatamentos por parte da Secretaria Estadual de Meio Ambiente (Sema).





De acordo com o governador, o objetivo é concentrar os esforços para reduzir o índice de desmatamento no estado. Segundo ele, os relatórios apresentados pelos órgãos de controle mostram que, apesar de 63% de área preservada, o desmate teve um aumento considerável, nos últimos anos.




“Vamos concentrar todas as nossas energias, recursos, equipamentos, para usarmos no combate a esse desmatamento ilegal e a essas queimadas ilegais que estão acontecendo no Estado de Mato Grosso”, afirmou.




Mauro Mendes destacou que a preservação ao meio ambiente, além de ser um dever, é fundamental para as relações comerciais do estado.




“Estamos conscientes da posição de Mato Grosso no comércio internacional e vamos fazer todo o esforço para mostrar que o estado está amplamente alinhado com o que pensa o mundo sobre as questões ambientais”, declarou.




De acordo com o governador, as novas medidas foram discutidas com todos os setores envolvidos, desde os órgãos responsáveis pelo combate às queimadas e desmatamento, quanto com a Assembleia Legislativa e o setor produtivo.




 

Fonte: G1 MT
 0 Comentários  |  Comente esta matéria!
* O Arinos Noticias não se responsabiliza por comentários postados abaixo!
mais notícias
21/10/2019
18/10/2019
17/10/2019
 menos  1   2   3   4   5   6   7   mais 
enquete
O que você prefere ler?
Polícia
Política
Agronegócios
Variedades
Educação

Se nenhuma das opções sugeridas for de sua escolha, mande sua sugestão através do menu contato
Copyright © 2019 - Arinos Notícias