Bem vindo ao Arinos Notícias, Domingo, 05 de Abril de 2020
noticias
     
24 de Fevereiro, 2020 - 07:33
GERAL Por convite, prefeitura contrata projeto para novo parque

A prefeitura escolheu a empresa que irá elaborar o projeto complementar para implantação do “Jardim Botânico” de Sinop. Foi esse o nome dado para o novo parque urbano que será construído na reserva permanente R-3, que ladeia os bairros Jardim Botânico, Celeste e Jacarandás. O município foi contemplado com um recurso na ordem de R$ 14 milhões, através do Ministério do Desenvolvimento Regional (governo federal). O projeto básico irá embasar a licitação para contratar a execução da obra.


Para contratar o projeto básico, a prefeitura de Sinop optou pelo “Convite” – modalidade de licitação em que algumas empresas são escolhidas para apresentar propostas. Foram colhidas 3 ofertas. A escolhida foi da Parthenon Construtora e Incorporadora Ltda, que se propôs a executar o projeto por R$ 93.698,00. Esta é a mesma empresa que elaborou o projeto para construção do Novo Fórum de Sinop.


Também apresentaram propostas a Construtora Innovare Pré-moldado e Metalúrgica (R$99.890,43) e a Pisoforte Construtora (R$ 105.320,00). Como preço da Parthenon foi menor, a prefeitura formalizou a contratação.


O projeto que a Parthenon vai elaborar precisa conter todos os itens e composições do sistema “+Brasil” da Caixa Econômica Federal. Isso porque é a instituição financeira que fará a transferência de recursos.


 


O PARQUE


O projeto conceitual, protocolado no Ministério do Desenvolvimento Regional, prevê a construção de um Campo de Futebol, 2 quadras de areia, 2 quadras poliesportivas, uma quadra de tênis e a efetivação de um lago, a partir do córrego Nilza, que corta a reserva. Calçadas no entorno e no interior do parque, devidamente iluminadas, para prática de caminhadas, também estão previstas. Por fim, uma parte do recurso será aplicado no paisagismo e recuperação florestal da reserva.


Uma parte do novo parque terá aproveitamento comercial, com espaços cedidos para iniciativa privada explorar, mediante concessão pública.


A vigência do convênio com o governo federal vai até o dia 31 de dezembro de 2024.

Fonte: GC NOTICIAS
 0 Comentários  |  Comente esta matéria!
* O Arinos Noticias não se responsabiliza por comentários postados abaixo!
mais notícias
03/04/2020
02/04/2020
01/04/2020
30/03/2020
 menos  1   2   3   4   5   6   7   mais 
enquete
O que você prefere ler?
Polícia
Política
Agronegócios
Variedades
Educação

Se nenhuma das opções sugeridas for de sua escolha, mande sua sugestão através do menu contato
Copyright © 2020 - Arinos Notícias