Bem vindo ao Arinos Notícias, Quarta-Feira, 22 de Setembro de 2021
noticias
     
1 de Julho, 2021 - 13:23
Mão no rosto salva da morte mulher atacada por jornalista 'apaixonado' que, ao final, se matou

Empresária vítima de tentativa de feminicídio se recupera e pode deixar Unidade de Terapia Intensiva (UTI) nesta quarta-feira (30), em Tangará da Serra (239 km a médio norte). Nádia Mendes Vilela, 33, conversou com a mãe na tarde de terça-feira e chorou muito, preocupada com o filho menor de 10 anos. Nádia ainda terá que passar por pelo menos duas cirurgias. Uma para retirar um projétil de arma de fogo alojado no pulmão e outra na mão, que usou para cobrir o rosto e que acabou desviando do olho os disparos da pistola bereta calibre 7,65, do ex-namorado, o jornalista José Marcondes Neto, 46, o “Muvuca”, que cometeu suicídio.


A empresária foi alvejada dentro da farmácia de sua propriedade, por volta das 10h20. Imagens das câmeras do comércio mostram desde a chegada do jornalista que, ao receber a negativa de Nádia para conversar no balcão da loja, chama-a para ir a uma sala reservada. Lá, insiste mais uma vez em reatar o relacionamento de cerca de 4 meses, rompido 30 dias antes. Ao receber nova negativa, saca a pistola da cintura e parte para cima dela, desferindo pelo menos 4 disparos, contra rosto e tórax.


Desesperada, Nádia, já ferida, sai engatinhando até chegar ao saguão do comércio onde recebe ajuda para se colocar em pé e sair para rua. Logo depois, é levada em um carro que está na rua lateral da farmácia para um hospital, onde passa a ser atendida e submetida à primeira cirurgia.

O gerente da farmácia, Valdemir Sérgio, 41, por pouco não foi uma das testemunhas do crime, pois ele deixava o comércio no momento em que o jornalista chegava. Em menos de 15 minutos, a empresária já havia sido alvejada e, ao perceber que ela conseguiu correr, Muvuca fez um disparo contra a cabeça. Removido pelos bombeiros para unidade de saúde, chegou a ser submetido à cirurgia no início da noite, mas faleceu por volta das 21h de segunda-feira.


Não resta dúvida de que o crime foi planejado, pelo fato de o jornalista ter seguido armado para o encontro, diz Valdemir.


O corpo do fundador do site Muvuca Popular foi liberado por volta das 15h, após necropsia pelo Instituto de Medicina Legal, e trasladado para Capital. O velório está previsto para iniciar à meia-noite de terça-feira na sala Tulipa da Capela Jardins. O sepultamento será realizado na manhã desta quarta, em torno das 11 horas.

Fonte: Araguaia Noticia
 0 Comentários  |  Comente esta matéria!
* O Arinos Noticias não se responsabiliza por comentários postados abaixo!
mais notícias
21/09/2021
17/09/2021
 menos  1   2   3   4   5   6   7   mais 
enquete
O que você prefere ler?
Polícia
Política
Agronegócios
Variedades
Educação

Se nenhuma das opções sugeridas for de sua escolha, mande sua sugestão através do menu contato
Copyright © 2021 - Arinos Notícias